Paraíso do Tuiuti abre 2º dia do Grupo Especial e estoura o tempo ao celebrar figuras negras

Princesa da Tuiuti não perde a cadência no momento em que fica com a genitália desnuda

A princesa de bateria da Paraíso do Tuiutí. Mayara Lima, passava em frente ao primeiro módulo de jurados durante o desfile da escola na Sapucaí quando uma parte da fantasia arrebentou e deixou a genitália a mostra. O momento do acidente foi registrado em vídeo, gravado da arquibancada, quando a princesa estava sambando e percebeu o rasgo na roupa. Sem parar, ela se aproximou da lateral da pista, em direção à mãe, que sempre a acompanhava. Mayara colocou as mãos para se cobrir e caminhou para a avisar sobre o problema.

Thay Magalhães, rainha de bateria da Paraíso do Tuiuti, fez sua estreia na Marquês de Sapucaí neste sábado, segundo dia de desfiles das escolas do Grupo Especial. A rainha de bateria caprichou no modelito, que contou com muitas plumas, penas e muito brilho. A beldade faz sua estreia em meio a uma grande polêmica. Ela tem sido comparada com a princesa da agremiação, Mayara Lima, que deu show de samba no pé em um ensaio técnico e acabou viralizando nas redes sociais por conta de sua sincronia com a bateria.Em entrevista recente, Thay afirmou que não pretende continuar como rainha de bateria da Paraíso do Tuiuti e que provavelmente vai começar em um cargo mais baixo em outra escola.

A Paraíso do Tuiuti abriu o segundo dia do Grupo Especial do carnaval do Rio, neste sábado (23). O desfile marcou o retorno de Paulo Barros, após passagem do carnavalesco pela escola em 2013, com um enredo celebrando os feitos de personalidades negras de várias áreas.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.